Entrega

Empreender a vida mudando a tua mente. Porque o deves fazer? Porque deves olhar para ti com visão de Empreender Vida?

“A liderança é a capacidade de transformar a visão em realidade.”
Warren Bennis

Empreender a Vida é ouvir a nossa voz interior para assumir a liderança do nosso destino.

Através do Coaching que é um processo facilitador da transformação e o do desenvolvimento das pessoal. Sendo um instrumento de mudança que promove a reflexão para apoiar essa transformação de forma ampla e efetiva em sua vida.

Empreender a Vida

MUDANDO A TUA MENTE E ABRINDO O TEU CORAÇÃO!

Empreender a Vida é o pontapé de saída de uma ideia que se transforma num modo de vida. É um estilo de vida, um comportamento, uma atitude.

Empreendedorismo vem do francês e significa: amigo do risco. Por isso penso que empreendedorismo é um estilo de vida, que te oferece liberdade em troca de disciplina, ousadia e trabalho.

Empreendedorismo é o processo no qual se faz algo novo, com o objetivo de gerar riqueza para a sociedade. É uma forma estratégica de contribuir para o crescimento económico e social e por consequência obter sucesso no mercado e na sociedade em geral.

Empreendedorismo tornou-se um estado de espírito, baseado em um conjunto de comportamentos e atitudes que levam as organizações a inovar e evoluir constantemente. Os limites agora são mais amplos e o empreendedor passa a ser qualquer pessoa que atua de forma inovadora, que transforma sonhos em realidades viáveis onde esteja, até mesmo na sua própria vida como protagonista de sua carreira.

Eu lembro-me que desde criança tinha interesse em tantas coisas que não conseguia escolher uma carreira. Na verdade, eu nunca escolhi nenhuma carreira à partida. Eu adequava a minha actividade ao momento que vivia. Tal como hoje.

Concluí pela minha experiência que o que um empreendedor de vida (e de carreira, e de negócios, e de família) precisa é coragem grande, curiosidade grande e arriscar grande.

Um dos desafios de Empreender a Vida (e por consequência de uma carreira, um negócio ou um emprego) é aceitar à partida as dificuldades que vão surgir como uma aprendizagem necessária para se chegar ao sucesso (ou não, e começar de novo!).

Depois gostar muito de trabalhar e por a mão na massa, que é o que faz a grande diferença! É preciso FAZER MUDANÇAS NA TUA MENTE.

O empreendedor cria, recria, planeia, desenvolve, realiza, planeia uma estratégia, estabelece novas maneiras de se relacionar, funda novas estruturas, aprimora e simplifica processos, questiona padrões e crenças de impossibilidade, quebra paradigmas amplamente aceites pela sociedade, e vislumbra novas necessidades nas pessoas. Por isso, é um modo de vida em transformação constante.

Um empreendedor que se conhece, consegue definir que atividades deve realizar, e quais deve delegar. Sabe quais são as suas limitações, mas também as suas habilidades e pontos fortes nos quais se destaca.

Imagine o quão incrível podes ser daqui a um ano se a partir de agora parares de fantasiar sobre uma vida melhor e começares efetivamente a construí-la.

O importante não é Empreender um Negócio e sim a tua Vida.

Empreender é fazer acontecer

NA TUA MENTE E NO TEU CORAÇÃO!

Tem-se descoberto que empreender não é apenas interesse do empresário, ou daqueles que desejam abrir o seu próprio negócio. A sociedade deve discutir o empreendedorismo como uma ferramenta social e económica capaz de trazer competitividade ao país inteiro.

O caso mais evidente é dos EUA, que há anos investe na abertura de novos negócios e na educação empreendedora, principalmente nas áreas de tecnologia, e ao longo do tempo se tornou uma referência em inovação de produtos e serviços. O legado dos Estados Unidos, que investiu massivamente em desenvolvimento humano, iniciou-se com as empresas mais inovadoras do mundo como Microsoft, Apple, Tesla, Google, Amazon, Facebook, Uber e tantas outras que mudaram radicalmente a nossa forma de trabalhar e de pensar o trabalho.

O conhecimento que realmente é capaz de agregar valor é aquele que transforma a vida de quem o adquire.

Em geral, quando as pessoas chegam ao mercado de trabalho e não possuem competências necessárias para encarar a inovação, pois a linha de pensamento dominante no ensino superior é a procura de estabilidade nos cargos que se almeja alcançar. Em suma, falta coragem, autoconfiança, visão, autoconhecimento e competências que são necessárias para empreender. Empreender a Vida (e a Carreira).

Os empreendedores possuem necessidade de realização, motivação, impulso de melhoria, insatisfação, valorização da independência, desejo de superar padrões de excelência. Têm a capacidade emocional para enfrentar adversidades, pois empreender – seja num novo negócio, dentro de uma empresa, ou socialmente, criando novas coisas e aprimorando as existentes – requer uma série de competências que são adquiridas também com as experiências.

É preciso capacitar-se que para exercer o empreendedorismo, muito embora os erros sejam parte das tentativas de sucesso e também façam parte do processo de aprendizagem, implica muita dedicação.

Empreender envolve exposição, medo, resiliência, conhecimento, incertezas, habilidade em lidar com as pessoas e convencê-las a abraçar a sua ideia. Envolve foco, disciplina, vontade, sacrifício e uma série de situações tanto positivas quanto negativas que se permutam.

Quem já ouviu falar das letras associadas aos negócios?

Os quatro “P’s” do Marketing, Os cinco “S’s” da Qualidade, e por adiante.

Quais serão as letras de Empreender a Vida?

Ocorrem-me os três “F’s”:

Foco, Força e Fé e recentemente surgiu-me mais um F (mais à frente digo-vos qual é).
  1. Foco – Sem foco não há empreendimento que funcione.

Ter ideias faz parte da essência humana. É a criatividade! Mas, onde há mil ideias e até inovação, e não há foco, nada acontece. Não há acção. E agir é o verbo!

Focar é preciso para desenvolveremos e cresceremos ordenadamente, sem perder o impacto que queremos causar, quer na nossa vida pessoal e familiar, na nossa carreira, no nosso emprego, no nosso negócio.

  1. Força – Força física, força intelectual e força emocional – todas são de vital importância.

O alinhamento deste triangulo de força é fundamental. É o equilíbrio necessário para estarmos bem. Caso contrário, ficamos fracos, desmotivados e arriscamos a probabilidade de ruptura. Ficar doente, deprimido, ausente, impedir-nos-á de dar continuidade às nossas acções e empreender a nossa vida. Mesmo que haja compromisso das outras partes, a nossa falha ou falta pode desencadear uma série de consequências para a vitalidade do nosso empreendedorismo, seja em que área for. Reserve tempo para o exercício físico. Para cultivar a sua mente lendo. E, sempre, para amar os seus.

  1. Fé – “A fé remove montanhas”, diz a sabedoria popular.

Sim, remove as montanhas internas que criamos e as externas que enfrentamos. A fé, aqui, não está necessariamente relacionada à religião, mas ao mundo da reflexão, da espiritualidade. É fundamental ter tempo para parar e refletir sobre como está a fé em nós mesmos, na nossa família e no nosso empreendimento e/ou carreira. Saber como está o nosso amor próprio.

Para melhor responder as estas questões internas, pare e medite. Bastam cinco minutos por dia. E depois de transformado num hábito, transforma-se também modo de vida. Estar ligado a si mesmo leva-o a saber do seu verdadeiro potencial e por isso a conseguir o que deseja. Não esquecendo de Fazer Acontecer.

  1. Foda-se – Já leu o livro “A Arte Subtil de Saber Dizer que se F***” de Mark Manson

O autor percebeu que podia parar de se importar tanto com algumas coisas, como compromissos desnecessários, dramas familiares e a temida opinião alheia, simplesmente acionando a palavrinha mágica: foda-se. E seguindo em frente, fazendo alguma coisa.

No livro, ele reflecte sobre não desperdiçar tempo, energia e dinheiro com MAIS coisas que não melhoram em nada a nossa vida pessoal. Usar este Ftem muita importância, porque o livro ajuda a confirmar que muitas vezes ativar esta palavra, saber dizer NÃO e querer MENOS coisas é o ponto de partida para ser feliz.

Difícil? Ah, mas quem disse que empreender a vida seria fácil?

“Desvendar o potencial de uma pessoa para ampliar seu próprio desempenho, ajudando-a a aprender ao invés de ensiná-la diretamente.” 

Tim Gallwey, Harvard

Com este workshop pretende-se despertar a consciência do indivíduo para que este assuma a Liderança Pessoal e Profissional da sua vida.

A pergunta essencial é

Qual é o teu sonho?

E a resposta está em cada um.

Porque acreditamos na Missão Pessoal de cada um.

Sim! Tu tens uma Missão.

Programa Empreender a Vida

Definir a Visão dos nossos Valores e Missão

Criar uma estratégia com objectivos e metas prévias

Avaliar a Realidade

A Arte de Comunicar desde o Pensamento à Acção

Planeamento da Acção assumindo um Compromisso

Projectar a Auto-Liderança

Informações e Inscrição

geral@universo7.com